Whisky

Whisky

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Bourbon X Scotch: algumas diferenças

Para apreciadores de bebidas que não sejam whisky, Scotch e Bourbon são a mesma coisa. Um espírito escuro, feito com os mesmos ingredientes e envelhecido nos mesmos barris. Certo? Errado. As duas bebidas têm muito em comum, mas também há um mundo de diferença.

LOCALIZAÇÃO

Scotch: o whisky escocês deve ser feito na Escócia. Não só isso, para usar o termo "scotch whisky" no rótulo, o whisky também deve ser maturado e engarrafado na Escócia (com exceção do blended, que pode ser engarrafado fora).

Bourbon: contrariamente à opinião popular, bourbon não precisa ser feito no Kentucky. Pode, de fato, ser feito em qualquer estado dos EUA, mas a água calcária encontrada no Kentucky faz dela uma localização ideal. O calcário filtra impurezas como o ferro.


INGREDIENTES

Scotch: o whisky single malt deve ser feito com 100% de cevada maltada. O whisky de grãos geralmente é feito com uma combinação de cevada maltada e não maltada, bem como outros grãos.

Bourbon: deve ser elaborado com uma receita básica ("mash bill") de pelo menos 51% de milho, com o restante composto de centeio, trigo e cevada. Quanto maior a proporção de milho na receita, mais doce é o bourbon. Os bourbons com maior proporção de centeio terão um sabor mais apimentado.

DESTILAÇÃO

Scotch: o método em que o whisky escocês é destilado depende do estilo ou da categoria: os single malts são geralmente destilados duplamente (às vezes triplo destilados) em alambiques tipo pot still, enquanto os whiskies de grãos serão destilados em alambiques de coluna.

Bourbon: quase todo o bourbon é primeiro destilado em um alambique de coluna, então o espírito sofre uma segunda destilação em um pot still modificado, conhecido como "doubler".


MATURAÇÃO

Scotch: as pessoas que fazem o whisky escocês têm muito para agradecer a indústria do bourbon. Os destiladores de Bourbon só podem envelhecer seu espírito em barris novos de carvalho. Depois de terem sido usados uma vez, os barris não servem mais para eles, então a maioria é vendida aos produtores escoceses. Os destiladores escoceses têm muito mais liberdade quando se trata de envelhecer o seu whisky e usam uma grande variedade de barris, incluindo aqueles que anteriormente continham vinho, ou até Cognac.

Bourbon: a outra grande diferença entre o whisky escocês e o bourbon é o clima. As temperaturas mais quentes do Kentucky significam que as taxas de evaporação são muito maiores, então o bourbon amadurece muito mais rápido do que o equivalente escocês, cerca de duas vezes mais rápido.


SABOR

É extremamente difícil falar sobre um estilo genérico para whisky escocês ou bourbon, mas há alguns sabores gerais que se pode esperar, dependendo do estilo.

Scotch: não existe um único estilo genérico de whisky escocês. Um Speysider leve e frutado tem pouco em comum com um robusto e turfado monstro de Islay. Além disso, devido a fatores como o tipo de barril, o nível de turfa e o tempo de maturação, os whiskies escoceses podem ser elegantes e florais, ricos e picantes, ou até mesmo ter um caráter salgado e marítimo.

Bourbon: um bourbon feito com uma alta proporção de milho será mais doce do que um com uma dose forte de centeio. Também é justo dizer que os bourbons geralmente terão um sabor mais doce do que a maioria dos whiskies escoceses e muitas vezes exibirão notas de toffee, canela e baunilha.

Ao comparar scotch whisky e bourbon, é impossível dizer se um é melhor que o outro. É mais uma questão de qual espírito você prefere. A maioria dos bourbons são feitos em um estilo acessível, mas há muitos whiskies escoceses que são suaves e sutis, também. Recomenda-se experimentar alguns de cada um e construir o próprio repertório de whisky. Felizmente há muitos whiskies para escolher.


Fonte:blog.thewhiskyexchange.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê sua opinião: